terça-feira, maio 04, 2010

Quem provoca precisa

aguentar o tranco depois


Claro que o Brasil inteiro viu e comenta a provocação da molecada do Santos pra cima de Wanderley Luxemburgo e Diego Tardelli, do Galo. Se fizeram aquilo, sabiam que estavam sendo gravados e que a gravação circularia o País minutos depois.

Em tempos de Internet não tem mais segredo. Tem câmera em telefone, caneta, relógio, e segundos depois está no You Tube e na TV.

Cada um fala o que quiser. Quem provoca, que aguente o tranco depois. Se o Santos for eliminado, alguém acha que Tardelli e Luxa ficarão calados?

O lado ruim disse é apenas tirar os comentários e análises de um jogo espetacular que deve ser a volta de Santos x Atlético. Fora isso, cria-se um clima pra lá de esquisito para um novo encontro entre as equipes no Campeonato Brasileiro.

A molecada do Santos é um barato, faz muita coisa na brincadeira, mas deveria ter pensado melhor antes de provocar explicitamente. Porque o mundo de hoje não é brincadeira, não é todo mundo que leva na brincadeira. Infelizmente, tem muito maluco infiltrado no futebol, gente que acredita que a violência resolve tudo e que o jogo de bola vale mais que uma vida.

Se amadureceram jogando contra o Santo André uma final em que ganharam o jogo sem merecer (o título é do Santos com todos os méritos), os jogadores do Santos mostraram que ainda falta um pouco de cabeça no lugar antes de tomar certas atitudes.

Se a gente vivesse num mundo menos nervosinho e irritadiço, seria apenas mais uma provocação. Houve um tempo em que era apenas isso. Fazia-se uma aposta e no final terinava tudo bem. É triste, mas esse tempo passou. Hoje é preciso ter mais responsabilidade com o que se fala e com a repercussão disso.

Tomara que amanhã se resolve tudo na bola mesmo.


Tricolor não pode vacilar

Mesmo jogando um futebol canhestro e sonolento, o São Paulo tem obrigação de passar por cima do Universitário do Peru, logo mais, no Morumbi. Simplesmente pela qualidade dos jogadores que tem. Se não for como time, o que tem sido difícil, algum jogador resolve.

Se for eliminado, acho pouco provável que Ricardo Gomes e alguns jogadores continuem.


Que surpresa terá Mano?

Fala-se em uma surpresa tática de Mano Menezes amanhã, contra Adriano e cia. Que surpresa poderia ter o Corinthians? Três atacantes? Ronaldo no banco? Três zagueiros? Vamos aguardar. É jogo equilibrado, mas acho que se o Flamengo fizer um gol, leva a vaga.

15 comentários:

Wellington disse...

Concordo com a leitura do fato, mas não com o foco. Quatro dias antes o Luxemburgo se sentiu honrado com o abraço coletivo da equipe do Santos, quem puxou o cor foi um jogador que foi dirigido pelo treinador em 2005, que deu corda para o Robinho fazer o que fez na saída para o Real e que o dirigiu depois. Cabia ao Luxa responder que espera Robinho depois do jogo para um jantar pago pelo atleta. O mundo realmente está ranzinza, se dermos corda ele ficará ainda mais.

Bernardo Esteves disse...

Noriega, acompanho seu trabalho e acho você um dos poucos comentaristas que entendem de futebol. Depois dê uma passada no meu blog (www.bernardoesteves.blogspot.com), verá que concordamos em muitas coisas.

Anônimo disse...

Considero o André, o Ganso e o Neymar moleques, "moleques" no bom sentido, porém Robinho não é mais moleque, ja jogou pelos melhores clubes da Europa, tem experiência e deve ocupar uma posição de liderança perante a real molecada.
Ele puxava o coro contra o Luxemburgo.
Dentro de campo é ótimo o futebol moleque,fora do campo é melhor termos homens dando exemplos positivos.

abraços
Mozart

Enio C. disse...

Noriega, também sinto nostalgia em relação a um tempo em que o mundo era menos "nervosinho e irritadíço".
Acho que a observação se encaixaria bem na provocação feita ao Luxemburgo.
Ocorre que, com D. Tardelli, foi diferente. Não se trata de provocação, mas de ofensa pura e simples (e até onde nos consta, gratuita).
Não há desculpas para este time de comportamento.
Quero ser fã de jogadores irreverentes, mas só irreverentes.
Tenho dó das crianças do Brasil todo, principalmente as mais humildes, que têm hoje este Neymar como "exemplo".

Isnardo disse...

Pelo visto sou exceção, pois apesar do bom futebol acho que estes "meninos da Vila" são muito chatos e marrentos, se acham os reis da cocada preta. Durante a final vários jogadores do Santo André reclamaram de serem desrespeitados.

Tudo bem que futebol é uma atividade basicamente recreativa, mas estamos falando de futebol profissional, e profissionalismo implica seriedade. Por tanto apreço à irreverência o Brasil está como está, já que nada aqui deve ser levado a sério mesmo, porque ser sério é muito chato...

Seu disse...

Torço contra o santos... a mídia, principalmente a globo daqui de sp tornou-os insuportáveis.
E realmente, é só o santios cruzar com um time de verdade q eles apanham...
Quero ver neimar e robinho fora ca copa do brasil...

Rafael disse...

Noriega, antes de mais nada queria dizer que gosto muito dos seus comentários. Foge da maioria dos falsos jornalistas/torcedores de hoje em dia. E sabendo desta admiração, peço que repare que os meninos dizem Jamelli e não Tardelli no vídeo. Qualquer pessoa bem intencionada escuta isso, pelo amor de Deus. É criar uma polêmica boba de graça. Se eles quiseram realmente provocar o Tardelli, pra mim foram perfeitos, pois usaram a rima do nome do gerente de futebol e brincaram, simples assim. Até mesmo o site do Globo Esporte já escreveu isso, mas com menos enfâse, claro. Afinal, a polêmica vende bem mais, né? Vamos nos divertir, não leve as coisas tão a sério. Em relação ao Luxemburgo? Bom, eu e toda a torcida do Santos achamos que ele tem que esperar mesmo,a hora dele vai chegar!
Abraços de um santista que te admira.
Rafael.

Custodio disse...

Nori,


Quanto à provocação dos meninos ao Luxa, me parece aceitável, embora eu ñ a fizesse pois motivaria um time adversário, eis que qualquer sabe muito bem que Luxa vai usá-la para motivar os jogadores...

Mas, quanto ao Tardelli, veja o vídeo abaixo.

Aos 35segs, Robinho diz Jamelli e Neymar diz Tardelli vai tomar... http://www.youtube.com/watch?v=oy5lm5dho5c&feature=related

Outro detalhe: ao provocarem o Luxa, o som do Robinho sai mais alto mas o André chega no microfone diz Vai tomar ... http://www.youtube.com/watch?

Que o Galo vença ...

Mauricio disse...

Noriega,

Espero que o Corinthians consiga a classificação amanha. Sempre pregamos que para ser Campeão um time necessita acima de tudo planejamento, ordem, coordenação e muito trabalho,e claro um bom time e elenco.
O time tem problemas, claro, mas nunca na história vimos um Corinthians tão bem planejado para a possível conquista de um campeonato.
Se por um possivel tropeço, se classifica o Flamengo, será premiada a desorganização.

Forte Abraço,

Mauricio Carreira

Rodrigo Tannuri disse...

Nori, você é um dos jornalistas mais corretos e que não fica em cima do muro. Sou muito seu fã e o acompanho tanto na televisão, quanto no twitter e agora pelo blog. Também sou formado em jornalismo e se você puder dar uma passada em meu blog eu ficaria maravilhado: http://esporteevisao.blogspot.com/

João Soma disse...

Prezado Nori,

Concordo em partes com o que disse. Realmente, quem provoca tem que aguentar o tranco depois. Se o Santos perder, Luxa e Tardeli irão à forra, e com razão.

Se perderem, reclarão da falta de respeito dos jogadores do Santos.

O mundo está chato. Mas quem está errado, o mundo ou os jogadores do Santos?

Futebol é alegria, paixão,arte e, acima tudo, gozação. Não acho que o que o Viola, Vampeta, Souza, entre outros faziam não teria espaço nos dias de hoje.

O mundo que precisa ser mudado.

Mauricio disse...

Noriega,

Espero que o Corinthians consiga a classificação amanha. Sempre pregamos que para ser Campeão um time necessita acima de tudo planejamento, ordem, coordenação e muito trabalho,e claro um bom time e elenco.
O time tem problemas, claro, mas nunca na história vimos um Corinthians tão bem planejado para a possível conquista de um campeonato.
Se por um possivel tropeço, se classifica o Flamengo, será premiada a desorganização.

Forte Abraço,

Mauricio Carreira

Breno disse...

Para o bem do futebol, acho que teremos dancinha novamente...

E o extinto trio de ferro só consegue demonstrar um sentimento: inveja.

Já tenho minha faixa de campeão, e é apenas a 1a do ano...

Anota aí Nori, vamos vender vaga para a Libertadores 2011.

Anônimo disse...

http://www.foraricardogomes.hd1.com.br/

Sandra disse...

Não acho que a provocação seja uma forma saudavel, de comemorar uma vitória. Como vc bem disse, hoje, chega a ser perigoso devido a impaciência e irritação que rolam nos esportes. Eu mesma, fui vítima de gas lacrimogênio, cadeiras voadoras e etc... pelo simples fato de estar em um ginásio, somente para assistir uma final de futsal, entre Corinthians e Palmeitras, aqui em São Bernardo. Fui por amor ao esporte, esperando pelo espetáculo, mas acabei no meio de um bando de selvagens.E olhe, que não provoquei ninguem.
Um conselho para os moleques do Santos: menos, crianças, menos...
bjs Nori