quinta-feira, setembro 17, 2009

Aumentar a punição

da Lusa seria injusto


Andei lendo notícias de que a Portuguesa, que já perdeu três mandos de campo pelo episódio da invasão do vestiário que redundou nas saídas de Edno e Renê Simões, pode ter sua punição aumentada, ficar mais jogos fora do Canindé e jogar a mais de 100 km de São Paulo.

Acho que, se isso ocorrer, já será exagero. Houve excessos, sim, naquela noite. Como houve excessos em outras situações e em outros clubes. É preciso, também, dar crédito ao clube, que afirma ter afastado os dirigentes responsáveis pela atitude condenável. E também cobrar a Portuguesa para que tal fato não se repita.

Aumentar a punição atingiria os próprios jogadores do time, que foram vítimas na invasão do vestiário. Tudo bem que não precisaria ter ocorrido aquela entrevista com o César Prates, que parecia meio falsa. Mas a Portuguesa merece crédito e não pode pagar sozinha por erros que também acontecem em outros jogos e em outros clubes, como ameaças a juízes, jornalistas etc.

3 comentários:

Blog do Deco disse...

Bom, gostaria de me desculpar pela ausencia, e convidar vc a conhecer o novo Layout de meu Blog! Tenho uma postagem nova, e preciso muito de sua opinião !
Obrigado !!! Grande Abraço!!

nopiquedabola disse...

Fala Noriega, acho que você tem razão sobre os episódios envolvendo a Portuguesa, mas pode ser que esse aumento de punição seja necessário para diminuir a influência de pessoal afim de derrubar a presidência.

Fiquei sabendo por pessoas de dentro da própria entidade que rola um grupo pesado de conselheiros e torcedores fanáticos que querem derrubar o presidente.

Sei lá, a coisa parece estar esquentando na querida Lusa.

Mas falando em Portuguesa, eu acabei de escrever um texto sobre um "português" que vem fazendo muito sucesso: Liedson. http://nopiquedabola.wordpress.com/

Saulo disse...

Eu também acho um exagero.