sexta-feira, abril 03, 2009

Centenário do
povo colorado


Os gremistas do mundo que me perdoem, mas hoje é dia de celebrar o centenário do Sport Club Internacional que, assim como o maior adversário, é uma glória do desporto nacional. Por isso o post vai em vermelho.

Fundado por cariocas que se estabeleceram no Sul após passar por São Paulo, o Inter já nasceu predestinado a ser um clube de abrangência nacional e, posteriormente, mundial.

Quanta gente boa, quanta história, Larry, Bodinho, Falcão, Figueroa, Fernandão. Os tempos do estádio dos Eucaliptos, cujas arquibancadas pude ver de soslaio certa vez, do estúdio panorâmico da RBS, em Porto Alegre, como que a preservar a história do clube antes do Beira-Rio.

Tive o privilégio de trabalhar na cobertura das duas maiores glórias da história do Inter. A conquista da Libertadores, a partir da semifinal contra o Libertad, e, posteriormente, o título mundial, o qual cobri in loco, no Japão, ao lado da gente talentosa e companheira da RBS.

Aprendi a admirar a seriedade do trabalho de gente como o Fernando Carvalho, uma espécie de reinventor do Inter, além da paixão dos colorados que atravessaram o mundo para desafiar o Barcelona e suas estrelas, com toda a garra gaúcha.

Lembro-me até hoje de um momento no estádio de Yokohama. Faltavam alguns minutos para o fim do jogo, nossa equipe se preparava para descer rumo ao vestiários. De repente passam correndo pelo anel intermediário do estádio dois torcedores colorados, já bem crescidos, choravam feito guris (o texto hoje merece sotaque) e bradavam desafios aos calados e atônitos japoneses que observavam tudo sem entender patavina.

Parabéns aos colorados e ao Inter, pelos cem anos de glórias que serão festejados neste sábado.

6 comentários:

Nelson Viegas disse...

Nori, muito obrigado por esta homenagem. Com relação ao Fernando Carvalho, realmente é uma pessoa com visão empreendedora, que transformou o Inter em pouquíssimo tempo, transformando o time do quase em um time vencedor.

Daniel Junior disse...

Noriega...

eu sempre me perguntei porque é tao difícil haver uma renovação na geração de bons jornalistas. Cronistas dos fatos, olhos da vida. Cara, eu fico muito feliz que você seja parte da exceção, daqueles que, além da ética e do bom gosto, associam o conhecimento não apenas á serviço da informação, mas como préstimo da vida. Por sua 'culpa' e de outros que admiro, que não sei se volto para Jornalismo (q larguei por problemas financeiros há alguns anos) ou se emendo a pós em Lingua Portuguesa. Seja qual a decisao que eu vir a tomar, quero lhe garantir que é bom ser seu fã.

Leitor Colorado disse...

Obrigado pela lembrança.

Cézar Vouguinha disse...

Grande Internacional! Fantástico clube que hoje com seus cem anos de história conquistou o respeito mundial pelas conquistas! Excelente post que retrara momentos de uma fantástica nação! Em meu blog fiz uma homenagem aos colorados também! www.blogrolaabola.blogspot.com
Abraços!

Anônimo disse...

Noriega, Como colorado desde já agradeço você e ao Grêmio pela forma elegante com cumprimentou o colorado pelos 100 anos, estampada em uma página inteira de ZERO HORA.

Siga abaixo:

Ao Sport Club Internacional


Apesar dos 105 anos bem vividos, temos boa memória.E da mesma forma que fomos homenageados naquele 15 de Setembro de 2003, aqui estamos para mostrar a nossa admiração e respeito por tudo que conseguiste até hoje.

Mas antes de qualquer coisa,vamos contar um pouco dessa história.

Que nos desculpem os modestos, mas poucos conhecem tão bem essa trajetória quanto a gente.Ou esquecem que , naquele 4 de abril de 1909, nós já estávamos por aí , jogando bola?

E o mais incrível; isso não intimidou aqueles novatos que logo desafiavam para um
“math”.Não dá pra dizer que o mais difícil dos jogos.Mas saímos de campo certos de que tamanha audácia haveria nortear um futuro promissor.

Dito e feito.

Com o passar do tempo, foi ficando claro que nossos caminhos sempre se cruzariam.Nosso destino eternizou o fato de que teus astros cintilam num céu sempre azul


E assim seguimos, na eterna busca de superar um ao outro.Depois da baixada, os Eucaliptos.Daí veio o Olímpico e o Beira Rio.Se aquele camisa 5 nos incomodou na década de 70, a nossa camisa 7 apavorou da década seguinte.

Aliás , nada é mais bonito no futebol do que essa competição sadia , essa rivalidade.
Porque gente como Eurico Lara,Airton Ferreira da Silva, Tarciso, Danrlei, entre tantos outros , gente que nunca vestiu vermelho, também ajudou e segue ajudando a escrever a história gloriosa do Sport Club Internacional.

E por isso , podem ter certeza, dá um baita orgulho.
Nação Colorada, aceita de coração o parabéns de todos os Imortais Tricolores pelo teu Centenário.


Grêmio Foot-bal Porto Alegrense
Presidente
DUDA KROEFF


Abraços
Cesar Menezes

Anônimo disse...

No dia do centenário do Inter, o Grêmio resolveu fazer uma série de homenagens ao rival. A que mais chama a atenção é a presença de um avião sobrevoando o Beira-Rio com uma mensagem aos colorados em uma faixa: "100 anos Inter. Saudações tricolores". Recados em aviões costumam ter tom de provocação entre os rivais de Porto Alegre, geralmente após Gre-Nais ou quando um deles é eliminado de alguma competição. Neste sábado, o Tricolor mudou o hábito para parabenizar o adversário

SERGIO