domingo, outubro 24, 2010

Rodada perfeita para


alvinegros e um tricolor


Na teoria, a rodada era perfeita para o Santos e complicada para todos os outros postulantes ao título. Na prática, terminou sendo péssima para o Santos, ruim para o Cruzeiro, e excelente para Fluminense, Corinthians e Atlético Mineiro.

O Fluminense saiu de uma derrota para um empate que lhe valeu o retorno à liderança de um campeonato absolutamente embolado. Recuperar um ponto diante do Furacão, na Arena, é coisa para poucos times. Numa disputa assim tão acirrada, o Flu buscou a ponta no saldo de gols, já que tem as mesmas 15 vitórias de Cruzeiro e Corinthians.

O Flu pega o Grêmio, que empatou por 2 a 2 com o Inter, no Engenhão, numa rodada em que Corinthians e Cruzeiro jogarão fora de casa. O Cruzeiro contra o Grêmio Prudente, que aplicou inacreditáveis 3 a 2 no Santos, na Vila, após estar perdendo por 2 a 0. E o Corinthians, que venceu o Palmeiras, pega o Flamengo, que empatou com o Vasco.

Cruzeiro que trombou de frente com Obina e se deu mal. O injustiçado centroavante fez 3 nos 4 a 3 do Galo sobre o rival. A defesa cruzeirense errou em quatro bolas cruzadas para a área, e Obina não perdoou em três, com Réver aproveitando a quarta. O Cruzeiro correu, lutou, criou muitas chances e perdeu a maioria, mesmo diminuindo para 4 a 3 após estar perdendo por 4 a 1 e com Montillo desperdiçando um pênalti.

De novo na teoria, a p´roxima rodada pode ser boa para o Cruzeiro, dada a fragilidade do Prudente, que mesmo heróico contra o Santos, é muito mais fraco que a Raposa.

A vitória corintiana sobre o Palmeiras foi construída nos 30 primeiros minutos de jogo, quando o time do estreante Tite sobrou em campo diante da equipe de seu mestre Felipão. Mas bastou fazer 1 a 0 com Bruno César para o Corinthians parar em campo, recuar demais e convidar o Palmeiras, que até então só assistia, para entrar no jogo. No segundo tempo, o Palmeiras pressionava com Valdívia, que saiu machucado. Ainda pressionou, mas sem muita qualidade, e esbarrou numa tarde inspiradíssima do jovem goleiro Júlio César, que fez defesa magistral em falta cobrada por ele, sempre ele, Marcos Assunção.

Resultado para reestabelecer a confiança entre os corintianos e posicionar os palmeirenses defintivamente para a Copa Sul-americana, contra um Galo embalado na quarta-feira, em Sete Lagoas.

O Inter empatou com o Grêmio após estar perdendo duas vezes e explorando bem o recuo excessivo dos comandados de Renato Gaúcho na etapa final. Santos e Inter somam 48 pontos, assim como o Botafogo, que é o atual proprietário da quarta vaga na Libertadores, já que venceu (aleluia!) o Vitória, que trocou de lugar com o Galo e está na zona de rebaixamento. Mesmo em sexto lugar, o Fogão se beneficia do fato de Santos e Inter já estarem na Libertadores. Por isso mesmo, Furacão e Grêmio e até mesmo São Paulo e Palmeiras sonham com essa vaga.

São Paulo que foi derrotado sem contra-argumentação pelo Ceará, que é danado mesmo em Fortaleza. E Palmeiras que mostrou que precisa mesmo de todos os seus titulares para manter um bom nível de rendimento. Resta saber se terá Valdívia contra o Galo, no belo jogo pela Sul-americana.

A lição que fica desta rodada é que não se vacila diante de adversários teoricamente mais fracos. Santos e Fluminense que o digam. O Santos poderia ser o grande vencedor da rodada se vencesse o Prudente, pois teria ficado a três pontos dos líderes, mesmo com um time modificado dentro da temporada e já saciado por duas taças. Assim como o Fluminense deve lamentar a cada segundo os quatro pontos que deixou pelo caminho diante do mesmo Prudente, que poderiam dar uma vantagem de 58 a 54 sobre o Cruzeiro, um jogo de folga.

Bom mesmo é saber que até 5 de dezembro tudo pode acontecer.

5 comentários:

Micaella & Raphael disse...

Pq só falam dos times grandes? Queria ver falar mais do Ceará, pois sou torcedora desse time Com certeza outros torcedores de outros times tb gostaria de ver falando dos seus times. Nós tb somos torcedores assim como todos outros!

Rodrigo disse...

Nori me parece que o Corinthians retomou um pouco o bom futebol que apresentava muito também pela segurança que a zaga corinthiana conseguiu apresentar e pelo desempenho do meio de campo, que tem qualidade mas estava desfalcado.
Fluminense teve um jogo dificil, teoricamente conseguiu um ponto que valeu por tres.
Cruzeiro se perdeu no começo do jogo e o Atletico fez a festa,o problema é que talvez a midia de um status aos clubes lideres de campeao e eles se perdem com isso,acham que resolvem o jogo qdo qrem.
O Santos, n foi a primeira vez, com sua displicencia no segundo tempo mostrou que n quer ser campeao,mas eis a questao quem quer ser?

Carlos Eduardo Gatto Sâmia disse...

Este blog é ídolo do meu blog!

O comentário de vocês é de suma importância!!!
DESABAFO DE JORGINHO E TORCIDA ESPECIAL PARA RONALDO!
São assuntos dos novos textos jogada de mestres!comentem: jogadademestres.blogspot.com/

Helio disse...

Nori,

No meu blog hoje, abri espaço para uma matéria sobre os clubes do interior x clubes da capital e a FPF.
A matéria foi escrita por um amigo meu, Sr. Antônio Gusson, e publico também a resposta da FPF.

Gostaria que você visitasse meu blog (http://heliopreza.blogspot.com) e comentasse a respeito ou melhor, abrisse uma discussão sobre o assunto que é muito grave e importante.

Convido também todos que visitam seu blog para visitarem o meu e comentarem a respeito da matéria.

Conto com seu apoio.

Grande abraço,

Helio

Anônimo disse...

molto intiresno, grazie