quarta-feira, maio 30, 2007

? é = Seleção Brasileira


Calma que ainda não pirei. A fórmula matemática acima proposta é para tentar mostrar que a fóruiA Seleção Brasileira virou uma enorme interrogação para mim. Não consigo entender qual a intenção da CBF ao chamar Dunga para ser o técnico e ainda não pude captar o que pensa o treinador em seu novo ofício. Afinal, Dunga ainda não tem um jogo oficial como treinador e já assumiu a Seleção Brasileira!!!!
As convocações não chegam a ser surpreendentes, revolucionárias. São, como quase todas as outras, algo confusas, é difícil encontrar ali um critério. Tem gente que é chamada uma vez e não volta mais. Outros aparecem em uma lista, não jogam, e voltam na chamada de pré-convocados para a Copa América.
A Seleção é forte? É boa? Ruim? Inexperiente? De transição? Aposto que ninguém, nem mesmo o Dunga sabe. Talvez durante a Copa América se desenhe um pouco do pensamento futebolístico do treinador Dunga. E apareça o que deve ser a nova Seleção Brasileira, partindo-se do pressuposto de que muita gente que esteve em campo em 2006 talvez nunca mais vista aquela camisa.
O que eu vejo, conversando com as pessoas, profissionais ou não do futebol, da comunicação, é que a Seleção Brasileira parece estar hibernando no inconsciente das pessoas, dos torcedores. Parece algo distante, de que nos lembramos de vez em quando. Aquele parente que era muito próximo, grande amigo na infância, mas que o tempo e o dia a dia acabaram afastando.
Quem sabe não foi por isso que o Dunga foi contratado? Ele parece ter sempre olhado para a Seleção como algo especial, que estivesse no patamar máximo em termos de futebol.
Eu ainda tenho na lembrança uma Seleção Brasileira cuja conovcação provocava acaloradas discussões no recreio da escola, cada um defendendo seu ídolo. E que nas noites de quarta-feira jogava para um Maracanã quase sempre lotado e dificilmente perdia.
De repente, eu não me lembro quando foi a última vez em que a Seleção Brasileira jogou no Maracanã. Talvez isso ajude a explicar um pouco dessa transição.
E que venha a Copa América, pra gente tentar descobrir, afinal, o que é a nossa Seleção.

13 comentários:

Leonardo disse...

Nori, espero estar errado mas tudo indica que o Dunga irá fracassar como técnico da Seleção!!Lamentável as convocações dele!!Ele fala muito em seguir um critério, pois bem, ele diz que não chama o Ronaldo Fenômeno,o Rogério Ceni, o Adriano e outros porque eles não precisam ser testados daí o Gaucho e o Kaka pedem dispensa e ele reclama. Será que estes atletas precisam ser testados..?? Acho inclusive que a fase de testes já acabou, porém não consigo entender como o Rogério pode ser preterido por goleiros como o Hélton e o Doni, o Ronaldo que voltou a jogar o seu belo jogo,preterido para que Afonso,V.Love e até o Jô possam jogar...Muito triste ver a seleção tão mal dirigida, acho que não passaremos nem da primeira fase da Copa América e isso pode até ser bom, quem sabe a CBF não resolve contratar um técnico de verdade!!
Abraços!!!

AlexSA disse...

Olá, Nori... O Dunga está mais perdido do que surdo em bingo... No começo sacou o excelente Kaka, pra preservar o Ronaldo "foquinha" Gaúcho, agora o Kaka passou a resteira no anão da Branca de Neve... Nem adianta ficar zangado, vai levar graxa na Copa América, e feio... O time não tem ataque?!?! Dá pra acreditar? O Brasil não tem ataque!!! Volta FENÔMENO!!! Um abraço Nori...

AlexSA disse...

Nori, o que voce acha do Edmundo? Admitiu ter batido escanteio fora do lugar para tirar vantagem (o jogador do Goiás que fez gol de mão e admitiu foi punido com 1 jogo)... Depois dá uma entrada criminosa no Miranda, se aproveitando de um juíz frouxo... Ele é espero, malandro ou um canalha? Não acho que ele deva ser punido pelo STJD, quem errou foi o frouxo do juíz, mas pela batida do escanteio acho que sim... Qual a diferença entre o que o atacante do Goiás fez e ele? Os dois enganaram o juíz e se gabaram da atitude, um é punido e outro não? Um abraço, Nori...

Nori disse...

Prezado Alexsa, só falo do Edmundo como jogador de futebol. Acho que ele não faz nada de diferente do que boa parte dos jogadores, que abusam da malandragem, acham que são mais espertos do que tudo. Isso é histórico. Lembremos das imagens da Copa de 62, quando o espetacular Nílton Santos faz pênalti contra a Espanha, dá um passo pra fora da área e engana o juiz. Malandragem tipicamente brasileira, que já deveria ter sido banida faz tempo, mas acontece todo dia. É uma questão cultural. E, como sabemos, o nosso País é um País de malandros no pior sentido, infelizmente.
Edmundo deveria ter sido expulso pela entrada, assim como muitos outros não são expulsos a cada rodada, de praticamente todos os times, porque os árbitros são omissos.
Abs

Iara Alencar disse...

Ola...
mas o dunga ainda nao teve chances...

ate agora so jogos amistosos e isso nao uqer dizer nada.
ees esta fazendo testes, iso é normal.

esta chmanado...chamando,
detesto tecnicos que vao pela cabela da imprensa.

Fernando Galvão disse...

Para mim, o Dunga é um tapa buraco como foi o Falcão, que aliás tinha a mesmíssima promessa do mesmíssimo presidente da CBF de que seria o técnico até a Copa de 94, ganha com Parreira como bem sabemos.

Jean pereira disse...

Achei teu comentário perfeito Nori. O que é a seleção da CBF (recuso-me a chamá-la de brasileira ou do Brasil. É como um amigo, que foi embora morar na Europa. Por um tempo até vinha aqui nos ver, tratava todo mundo bem, era querido. Mas suas vindas foram escasseando, mais raras, falava-se bem da Europa, contava-se vantagens, reclamava-se do calor. Aí o amigo não vem mais, está riquíssimo, considera-se mais europeu que tupiniquim, não atende mais ao telefone ou diz não estar. Aí meu velho, aí que tá o lance. Eu que não me interessava mais por ele, hoje fico egoistamente feliz quando o vejo pela TV perdendo. Inveja sim, mas gostosa demais. abraços do fã.

Marcelo Rayel disse...

Prezado Nori,

Já ouviu naquela máxima too old for rock'n roll...

Pois é, deve ser o meu caso. Nos meus parcos 36 anos, transformei-me num velho bem ranzinza...

Porque na minha pobre cabecinha não entra...

Não entra um esforçado meio-campista ser o mandatário tático e técnico de um time como o Brasil. Até onde eu sei, até chapéu do Ronaldinho Gaúcho ele levou nos tempos de Internacional.

Tudo bem, tudo bem... Luxemburgo nunca foi um brilhante jogador. Ok, ok... Mas é óbvio que o Dunga não dá padrão tático para equipe apenas por um problema semântico. Talvez ele ainda não saiba qual o real significado da palavra padrão e da palavra tático.

E ainda sonham acabar com os cursos de Letras!

A dispensa do Kaká e do Ronaldinho Gaúcho é uma mistério. Até onde eu sei, numa transmissão esportiva, o Mauro Naves chegou a anunciar que o próprio Dunga queria saber quais os jogadores que estavam a fim de avexar no maxixe, digo, jogar a Copa América.

O jogador entrou na dele, então, e ainda teve carta publicada no site da CBF?! Que lindo! Sobrou para o Kaká. Até explicar que elefante também esguicha água mas não apaga incêndio,...

Ai, ai, ai...

Mas o Dunga está no lugar certo! Ele não é técnico, não. Ele é leão-de-chacará de uma confederação amarrada em obrigações contratuais, que tornou Londres a capital do Brasil, privando os torcedores de jogos de sua equipe nacional.

E ele, Dunga, acha seu próprio discurso trepidante. Como se para jogar na seleção se devesse estar numa ilha com um terremoto 10 na escala Richter, ladeado por um vulcão em erupção e uma belíssima tsunami que é para acabar de avacalhar com o cangaço.

Em tempo: gostaria, sinceramente, do fundo de meu coração, agradecer a publicação que você fez de um comentário que eu havia postado à respeito da Copa América. Muito obrigado!

Merci, Nori!

A bientôt...

P.S. - E mande um salve para o estimado Milton Leite. Somos fãs dele!

nathalia disse...

Olá, Nori! Hoje vimos jogar o tão questionado Afonso. Mas, infelizmente, 20 minutos não foram o tempo suficiente para formarmos uma opinião a respeito dele. De qualquer forma, não podemos desconsiderar que ele protagonizou duas jogadas que quase resultaram em gols. Isso já chama sua atenção? Será que o Dunga entrará direto com o Afonso no amistoso de terça? Abraço!

Fabio Dissman disse...

Noriega, diz ai o que você acho do meu poema sobre meu time ARGENTINO..Gastei massa cinzenta.







O Ideal seria uma final entre os dois times mais peleadores, mais guerreiros, mais raçudos do continente.Clubes movido a estigmas, a símbolos copeiros, e torcidas intransponíveis .Grêmio muito mais que um simples time brasileiro mais que somente gaúcho.

O Grêmio e o estimado Boca..

Boca querido, nossa inspiração de sempre.
Nos cânticos a movimentar, nas bandeiras a tripular na garra a demonstrar.






Lupicinio um visionário;;;

Grêmio de fato
Imortal;;;;;;;;;;;

Alberto disse...

Prezado , Nori Veja trechos dos comentários dos leitores no blog do Armando:
- Estigma da IMORTALIDADE do Grêmio
- O Grêmio é um time Argentino
- Aqui ou você é Maragato ou é Chimango
- Nosso time tem que ser pegador e raçudo ou então não é time gaúcho, e nem serve como time do Grêmio.
- Ontem me convenci que o Grêmio é argentino pela torcida que apoiou o tempo todo e cantou , como a torcida dos hermanos
- Troféu GARRA FARROUPILHA, troféu este que só é dado para textos espetaculares sobre nossas "tropas" da resistência
- Estamos na "luta", prontos para evitar o favorecimento dos guanabaras e dos bandeirantes, sob o Comando Supremo de Telmo Garibaldi.
- Parabéns pelo texto Armando, ele nos traz as imagens de mais uma batalha vencida pelo nosso imortal tricolor.
-Buenas , sou GAUCHO e um FARRAPO patriota pelo meu RIO GRANDE DO SUL , o jogo de ontem me fez lembrar nosso antepassado da guerra donde ficavam frente a frente pra mais uma peleia.Espero usted Boca querido..Gracias Hermanos...

O que você acha dessa pegada toda dos gaúchos Nori?

Simon Lédo disse...

Você falou tudo Nori! A Seleção "Brasileira" está cada vez mais distante dos brasileiros. Está perdendo o interesse. Virou a "Seleção da exibição" que só se apresenta na casa dos adversários. Uma pena, sem dúvida.

Sem falar dessas convocações incoerentes. Quem joga amistoso não joga Copa América e quem não era convocado, aparece na lista!

Estava na cara que o que o Ricardo Teixeira queria era um testa-de-ferro para fazer o que é mandado, como expôr jogadores de empresários. Lastimável!

Abraços!

AlexSA disse...

Olá Nori... Nori, sobre impedimento, você não acha que toda bola alçada na área onde um jogador esteja em impedimento, mesmo que fora do lance não prejudica o goleiro, pois o goleiro não saberá se o jogador cabeceará em gol ou dará um passe? Depois de ser "prejudicado" contra o Náutico e o Palmeiras, o São Paulo foi "beneficiado" ontem, mas essa dúvida sempre fica... Engraçado, pois o Burricy não reclamou após os jogos onde foi prejudicado e nessa rodada foi "ajudado", mas mesmo assim acho que técnico tem que chiar quando erram (como o Luxa sempre o faz)...