sexta-feira, fevereiro 16, 2007

GUERRA CIVIL

Se alguém um dia já passou pela Rua Itapiru, no Rio Comprido, na Cidade Maravilhosa, sabe do que estou falando. Estamos no meio de uma Guerra Civil, tal qual Líbano, Iraque e os abandonados países africanos. A diferença é que a imensa maioria do nosso povo vive numa pobreza africana, numa ignorância haitiana, mas nossos governantes e legisladores, com seus supersalários, pensam que estão na Suíça. Querem aplicar teorias e análises de Europa do Norte a um país carcomido pela falta de educação, pela falta de decência.
Desde a permissiva e anacrônica Constituição capitaneada por Ulysses Guimarães, estamos nesse caminho de que aqui tudo pode desde que seja errado, pra tudo tem perdão.
E tome eleição de Collor, Maluf, Clodovil e essa Manuela musa do Congresso, um poço de anacronismo e atraso. Fora isso, de musa não tem nada.
E o Mercadante quer que as pessoas tenham cabeça fria quando você sai pra buscar um filho na escola, na casa de um amigo e leva pra casa um pedaço de carne sem vida.
Cada vez mais acho que isso aqui nunca vai dar certo.
Desculpem o desabafo.

6 comentários:

Blog do Menon disse...

gostaria de mergulhar nesse poço. desculpe a brincadeira

Alan disse...

o que vc viu, na citada rua, foi apenas uma amostra do que vários veem todos os dias, nos recantos da cidade, onde ninguem se importa.

Felipe Rocha disse...

Depois dessa eu não tenho mais nada a dizer...

Concordo em exatamente tudo!

Marcos Junior disse...

Faz muitos anos que vivemos em uma guerra civil... mas nossos governantes como acham que vivem na Suíça não se preocupam muito... as vezes mandam a força tarefa para o Rio de Janeiro para dar uma amenizada na situação... nas "guerras" não declaradas no RJ matam mais pessoas que no Iraque... Mas fazer o que se somos o futebol, samba e mulheres bonitas... Mas um dia iremos mudar esta situação.. assim espero... Parabéns pelo blog e sempre que possível estarei por aqui...

Thaynne disse...

Noriega, eu morei próximo a esta rua citada e vc sabe qual o apelido dela? Faixa de Gaza!!! Agora, sem querer mudar de assunto mas mudando, em tempos de guerra civil, aparece um jogador da maior torcida do país e faz um gesto absolutamente recriminável. Vou te dizer assim como eu escrevi no blog do Lédio: o Souza e todos os jogadores de futebol têm que saber que eles são o espelho para muita gente e, esse gesto é o exemplo dos aspiradores a jogador de futebol não podem seguir!!!!

Nori disse...

Thaynne, vc está coberta de razão e bom senso. Abs