sexta-feira, junho 22, 2007

NA TERRA DE BOLÍVAR


Sempre fui um latino-americano assumido, assim como meu amigo Menon. O que os "descolados" e metidos a modernos chamam de cucaracha. Adoro a América Latina e estou tendo a oportunidade de conhecer mais um país, ou parte dele, a Venezuela.
Discussões políticas à parte, Puerto La Cruz, a cidade que recebe a Seleção Brasileira na primeira fase da Copa América, passaria tranquilamento por uma cidade brasileira do Norte ou do Nordeste. Vento quente, sol escaldante, gente alegre e simpática. E na periferia, os problemas comuns às periferias do continente, seja aqui, no Brasil, onde for na nossa América Latina. Pobreza e dificuldade. A periferia do que vi até agora da Venezuela é a mesma periferia que temos no Brasil.
Duas coisas chamam a atenção. A primeira, a ostensiva presença de forças de segurança. Polícia, Exército, Guarda Nacional, seguranças particulares, todos fortemente armados. A segunda, a também ostensiva propaganda política, os cartazes com mensagens institucionais e de forte apelo político e ideológico.
Sobre a Seleção Brasileira, parece um grupo muito mais tímido e reservado que o das superestrelas de 2006. Sobre o time, ainda não dá pra falar nada, vamos esperar os jogos e o desenvolvimento. Mas é um time em busca do sucesso e da fama que a geração de 2006 já tinha obtido.

7 comentários:

Jéssica Nayara disse...

Noriega...O Homem do Tempo.
Beijos e Saudações Alvinegras !!!

Fabio Liadin disse...

Prezado Mauricio Noriega, preciso fazer algumas ponderações que julgo da maior importância.

Primeiro dizer que quem RI por último Ri....quelme

Segundo que o Grêmio está fazendo uma promoção ,não sei se é do teu conhecimento.


A promoção do FOGÃO..
Voce compra um FOGAO e vem com 5 Boca..


e terceiro reconhecer que o Grêmio também venceu uma triplice coroa..

Dois gaúchões e uma série B hehe..

Mas tem a última..

O Palermo só nao fez o terceiro gol contra o Gremio de penalty, pois ele sabia que dois resultados iguais iria para prorrogação..

Filipe Lima disse...

Engraçado que muitos reclamam da renovação feita pelo Dunga na Seleção. Ora, pensemos: se Cafu e Roberto Carlos não serviam mais, se Dida se aposentou da Seleção, se Kaká e Ronaldinho pediram dispensa da Copa América e se Ronaldo era um "exemplo ruim" para a nova geração, que outra seleção poderia ser convocada se não essa? Um ou outro nome pode ser discutido, mas, em linhas gerais, essa é a nossa nova geração, mesmo. Temos que ter paciência com essa nova seleção, porque ela ainda precisa tomar forma e, a princípio, a seleção argentina é teoricamente mais forte que a nossa.

Blog do Menon disse...

O Cháves está com muito medo de sabotagens de um grupo chamado ORVEX (www.ruedalo.org),)Organização de Venezuelanos no Exílio) e mostra isso em www.aporrea.org (site que o apóia)

Quem der uma olhada nesses sites verá como é quase impossível ser neutro hoje na Venezuela. São sites em guerra. E na guerra, a verdade é sempre a priemira vítima, como já disse carlos cereto.

Vini disse...

Nori, o que você acha das recentes declarações do Abel Braga, dizendo que é colorado e que jamais treinaria o Grêmio, além de confessar que torce sempre contra o tricolor?

Anônimo disse...

O Brasil não respeita seus grandes nomes, o Fenômeno jamais poderia ser um "exemplo ruim", é sem dúvida nenhuma o maior jogador de todos os tempos (depois do Pelé)... Cafú e Roberto Carlos não prestam (o primeiro ganhou a Champions League e renovou por mais 1 ano, o segundo campeão espanhol e tido por "verdadeiros" especialistas o maior lateral esquerdo do mundo - Mourinho, Lippi, Luxa)... Mas o que é do homem o bicho não come (como dizia meus avós), vamos ver em quanto tempo a camisa 9 volta ao seu verdadeiro dono. O Vagner Love é apenas esforçado, e só...

Anônimo disse...

Nori, o Campeonato Brasileiro começou para o São Paulo, Muricy percebeu que o time não anda no 442 e que o melhor é 352 com dois volantes. Agora, as coisas começam a se acertar e voltar ao normal. O Corinthians e o Palmeiras lá embaixo e o tricolor chegando a ponta.
Nori, por quê a imprensa não critica o Caio Jr, ele me parece muito mole(boa pessoa), para o futebol me parece que isso não funciona. Jogadores como Edmundo não respeitam pessoas educadas e ele está perdendo a mão no Palmeiras(o que me deixa feliz).
É Nori, vamos ter que torcer para uma seleção totalmente sem brilho, estou prevendo uma vergonha como sair na primeira fase eliminatória da Copa América.
Abraços!!!
Leonardo.